Fidelidade em baixa

O consumidor latino-americano está menos fiel às marcas, segundo estudo da consultoria Bain & Company.

A pesquisa apontou que 68% dos executivos da região dizem acreditar que seus clientes não se prendem a uma determinada marca ao fazer uma compra. Em 2012, eram 63%.

A queda é decorrente da crise, que fez com que parte dos brasileiros diminuísse os gastos e passasse a optar por marcas de valor menor.

"O consumidor está adiando compras. Se ele trocava a geladeira após seis anos, agora espera sete", afirma Alfredo pinto, um dos sócios da consultoria, para quem as empresas precisam de estratégias para estimular as vendas. "Para indústria de alimentos, uma alternativa é a adoção de embalagens menores para um mesmo produto, por exemplo."

Foram ouvidos 1.067 executivos em diferentes países.