We have limited Portuguese content available. View Portuguese content.

Press release

Indústria global de diamantes atinge novo recorde em 2021, aponta relatório da Bain

Indústria global de diamantes atinge novo recorde em 2021, aponta relatório da Bain

Vendas de diamantes brutos, diamantes lapidados e joias com diamantes cresceram 62%, 55% e 29%, respectivamente

  • fevereiro 21, 2022
  • min read

Press release

Indústria global de diamantes atinge novo recorde em 2021, aponta relatório da Bain

São Paulo, 21 de fevereiro de 2022 - Após um declínio observado em 2020 em razão da pandemia da covid-19, a indústria global de diamantes obteve um crescimento expressivo no ano passado. É o que mostrou um estudo divulgado pela Bain & Company em conjunto com a Antwerp World Diamond Centre’s (AWDC). Ao longo de 2021, a receita no segmento de mineração de diamantes aumentou 62%; no corte e polimento a alta foi de 55%; e as vendas no varejo de joias com diamantes avançou 29%. Os segmentos subiram acima dos níveis pré-pandemia. em +13, +16% e +11%, respectivamente.

O estudo Global Diamond Report 2021-2022 observou que o ano passado começou com uma forte temporada do Ano Novo Chinês e do Dia dos Namorados, que representam duas das maiores receitas anuais do setor. A busca dos consumidores por esse tipo de produto, somados a uma maior capacidade do poder de compra e uma expansão de lojas para outras localidades impulsionaram a compra de joias com diamantes, destacou o relatório.

Os varejistas on-line viram um crescimento nas vendas, especialmente na Ásia, à medida que novos canais foram abertos para vendas de joias com diamantes. A demanda cresceu ainda mais durante o segundo semestre de 2021, em preparação para a temporada de férias de inverno no hemisfério norte.

“2021 foi um ano de novos recordes na indústria de diamantes, pois varejistas, cortadores, polidores e mineradores viram um aumento na demanda e no crescimento da receita”, afirmou Olya Linde, sócia da prática de Energia e Recursos Naturais da Bain & Company e autora do estudo. “Ao longo da cadeia de valor, a indústria experimentou uma recuperação e uma expansão em uma velocidade inesperada, o que pegou os envolvidos de surpresa.”

O estudo apontou ainda que, em 2020, a produção foi limitada devido a um declínio na demanda, com os responsáveis pelo corte e pelo polimento na Índia relançando a produção no primeiro e segundo trimestres de 2021 e começando a comprar ativamente diamantes brutos. A demanda robusta do consumidor, com os estoques esgotados,  contribuíram para uma maior demanda por diamantes brutos em toda a gama de sortimento. Mesmo diamantes pequenos e de qualidade próxima a gemas com desempenho inferior tiveram desempenho positivo.

A Bain destaca ainda no relatório que as principais tendências continuaram suas trajetórias pré-pandemia, especialmente a divergência entre diamantes cultivados em laboratório dos diamantes extraídos naturalmente, além de uma ênfase crescente nas agendas ambientais, sociais e de governança (ESG) por parte dos produtores. Os tópicos ESG apareceram nas agendas executivas em toda a cadeia de valor, com impacto climático e transparência de origem. Ambas as questões exigem cooperação entre os atores de mineração, corte e polimento e varejo.

Combinados, tanto os produtores como os varejistas geraram um total de US$ 7 bilhões a mais de lucro em 2021 em comparação com 2020. Isso foi resultado de melhores condições de mercado e programas de excelência operacional que o setor realizou para combater bloqueios e ameaças competitivas. Outras etapas da cadeia, como o downstream, também se beneficiaram do crescimento em regiões mais lucrativas. O aumento nas compras online contribuíram para uma rotatividade de estoque mais rápida e custos operacionais mais baixos.

O estudo Global Diamond Report 2021-2022, da Bain & Company e da Antwerp World Diamond Centre’s (AWDC), pode ser acessado na íntegra aqui.

Sobre a Bain & Company

Somos uma consultoria global que auxilia empresas e organizações a promover mudanças que definam o futuro dos negócios. Com 63 escritórios em 38 países, trabalhamos em conjunto com nossos clientes como um único time, com o propósito compartilhado de obter resultados extraordinários, superar a concorrência e redefinir indústrias. Em 2022, a Bain completa 25 anos de atuação na América do Sul, trabalhando fortemente em conjunto com as maiores companhias líderes de seus segmentos. Complementamos nosso conhecimento especializado integrado e personalizado com um ecossistema de inovação digital a fim de entregar os melhores resultados, com maior rapidez e durabilidade.

Com o compromisso de investir mais de US$1 bilhão em serviços “pro bono”, em 10 anos, usamos nosso talento, conhecimento especializado e percepção em prol de organizações que enfrentam atualmente os desafios urgentes relacionados ao desenvolvimento socioeconômico, meio ambiente, equidade racial e justiça social. Recentemente, recebemos a classificação ouro da EcoVadis, plataforma líder em classificações de desempenho ambiental, social e ético para cadeias de suprimentos globais, o que nos coloca entre os 2% melhores de todas as companhias.

Desde nossa fundação em 1973, medimos nosso sucesso pelo de nossos clientes e temos o orgulho de manter o mais alto nível de satisfação em nossa indústria. Saiba mais em www.bain.com.br e em nosso LinkedIn Bain & Company Brasil

Vector℠ is a service mark of Bain & Company, Inc.