Bain uses cookies to improve functionality and performance of this site. More information can be found in our Privacy Policy. By continuing to browse this site, you consent to the use of cookies.

We have limited Portuguese content available. View Portuguese content.

Brief

Navegando na rota da inovação
Executive Summary
  • Estudo da Bain revela que o valor de mercado das empresas que mais inovam cresceu a um ritmo significativamente mais acelerado do que o de empresas menos inovadoras.
  • Empresas altamente inovadoras adotam uma abordagem ambiciosa de portfólio, combinando programas internos que cultivam novas ideias com ecossistemas externos de parceiros e fontes de inovação.
  • Estas empresas consistentemente recompensam inovação e tomada de risco, além de buscar certos traços cruciais em seus líderes, como tolerância a riscos e uma mentalidade de explorador.
  • No Brasil, apesar de 78% das empresas ainda estarem em estágio inicial de inovação, o ambiente tem se desenvolvido rapidamente e com uma característica única de integração entre empresas e o ecosistema.

Nos dias atuais, inovar é um imperativo para toda e qualquer empresa. Dada a natureza dinâmica e global dos negócios, com novas tecnologias desestabilizando de modelos operacionais a cadeias de suprimento, a inovação hoje é o ponto focal da estratégia. Muitas empresas estabelecidas sabem que inovar é crucial, mas só agora começam a sondar o horizonte. Outras já se lançaram ao mar e estão aprendendo a navegar. As mais avançadas estão em pleno curso, no alto mar da inovação. As características das empresas mais avançadas e as vantagens que essas líderes estão conquistando começam a ficar cada vez mais claras.

Independentemente do ponto da trajetória em que se encontram, empresas particularmente hábeis nessa arena não veem a inovação como uma mera tarefa, como um projeto com meta definida. Para elas, é um estado permanente de evolução e exploração.

Embora explorar possa ser difícil e causar desconforto, o resultado vale o esforço, revelou o estudo da Bain & Company. Em parceria com a provedora de dados Dynata, fizemos recentemente uma pesquisa com mais de 1.200 executivos envolvidos ativamente na inovação. Descobrimos que o valor de mercado de inovadoras experientes cresceu a uma taxa anual composta de 9,5% no período de cinco anos, em comparação com apenas 0,5% para as empresas com a menor experiência na inovação.

Como resultado deste estudo identificamos os principais elementos que separam empresas avançadas em sua jornada de inovação, versus aquelas que estão apenas começando. Há combinação de múltiplas abordagens, sustentada por três elementos cruciais: mentalidade de explorador na liderança da organização, uma cultura e normas internas que tolerem e valorizem o risco e adoção de um ecossistema amplo e aberto.

Tags

Want to continue the conversation

We help global leaders with their organization's most critical issues and opportunities. Together, we create enduring change and results